quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Aproveitamento de retalhos (Using up scraps)

An English version follows the Portuguese
A colcha na janela colonial de Goiás Velho é um excelente exemplo de aproveitamento de retalhos.
Quando quero sumir com algumas daquelas tiras que ficam sobrando nas gavetas, apelo para o log cabin.
Há alguns meses quis acabar com um montão de sobras que tinha numa caixa (tinha retalho até do Bob Esponja)   e fiz a colcha das fotos abaixo. Dá pra ver no detalhe que fui fazendo meio "na louca", mas, lógico, tentando manter um certo padrão estético.
Mas agora, estou pensando em aproveitar meus retalhos como o bloco da colcha goiana (foto da janela na Cidade de Goiás). Andei procurando um tutorial na web e encontrei dois, em inglês. E aprendi que no american quilt, ele se chama roman stripes (tiras ou fitas romanas). Aqui e aqui é possível ver como são organizadas as tiras. A diferença é que metade do bloco é formada por um triângulo. Mas é só adaptar e fazer tudo em tiras.
Ainda sobre o aproveitamento de retalhos - no site da Marcia Hohn, o bloco (bem, na realidade não é um bloco; se vocês forem lá vão ver por que digo isso) chamado braid (trança) nos dá possibilidades incríveis de usar as sobras de tecido dos nossos trabalhos. Neste site há uma infinidade de blocos, alguns tradicionais, outros criados pela Marcia, além da orientação para fazê-los. Vale a pena uma conferida! (por Cecilia)
... ... ... ... ...

The quilt on the colonial window in Goias Velho is a great instance of how one can use up fabric scraps. When I want to get rid of scraps I usually start a new log cabin. A few months ago I decided to use up a bunch of scraps that I kept in a box (I even had some Sponge Bob scraps…) and I made the quilt you can see in the photos. In the detail you can notice the way I arranged the blocks was sort of unplanned, but, at the same time I tried to stick to an aesthetic pattern.

I’ve been thinking of using up my scraps by making a quilt like the one on the window in Goias. I searched for a tutorial on the web and I found two, both in English. I learned that this pattern is known as “roman stripes” among American quilters.

A suggestion: if you’re interested in using up scraps, too, you should definitely pay a visit to Marcia Hohn’s site. (by Cecilia)

7 comentários:

Artelier Tecendo Sonhos disse...

Cecília, que colcha maravilhosa!! Louca e linda!! Log Cabin é tudo de bom!! Parabéns!!
Eu também adoro aproveitar retalhos, tiras e pedaçinhos. Tudo fica mais charmoso numa mistura de cores e humores...Continue misturando!! O resultado é maravilhoso e nossos olhos agradecem!!
Beijocas
Andreza

Elen disse...

Adorei a sua colcha...

tenho uma vontade incontrolavel de costurar, mas toda vez que sento na maquina de costura de minha sogra, não consigo chegar a um entendimento com ela. Eu quero ir pra um lado e a maquina pra outro... rsrsrs

mas continuo tentando... Quem sabe um dia ela não se cansa em brigar comigo e me ajuda... rsrs

abraços cheirosos

Nanci M.dos Santos disse...

Linda, linda, a sua colcha!!!sou apaixonada por colchas de retalhos!! Há um ano atrás, comprei uma pra minha cama em Serra Negra, mas custou muito caro!!! Se Deus quiser, um dia, ainda vou aprender a fazer! Parabéns!!!!bjs

Donna Fernanda disse...

Noossa, querida!
Seu trabalho é lindo!
Parabéns!

Cecilia e Helena disse...

Minhas queridas:
Muito obrigada pelos elogios. Estou muito faceira com eles.
Beijos da Cecilia.

Marina Abreu disse...

Que colcha gostosa de olhar! Parabéns mesmo! Agora surgiu uma dúvida básica: em média, quanto tempo de trabalho?

Beijocas :*

Cecilia e Helena disse...

Olá, Marina!
Essa daí que é simplesinha, leva umas duas semanas para juntar tudo, mais duas para acolchoar(quiltar). Em média 1 mês. As mais complicadas podem levar de 3 a 6 meses. Se for quilt à mão leva bastante tempo. Se for à máquina, claro,menos tempo.
Um abraço da Cecilia.