quarta-feira, 30 de setembro de 2009

A viagem - o motivo

Na realidade, fiz essa viagem porque faltavam retalhos na minha colcha existencial. Parece pedante? Pode até ser. Mas é como costumo me referir aos momentos de minha vida. Ou o risco do bordado do Autran Dourado. Ou a régua e o compasso do Gilberto Gil. O que vocês preferirem. Me faltava Guimarães. Resolvi "encarar" um roteiro de agência de viagens por causa da falta de agilidade decorrente dos 70 anos. Não tive coragem de sair por aí, como antigamente. Penso que essas viagens, nas quais se conhecem "pedaços" de cidades, mas não a sua essência, servem para dar o gostinho de quero mais, de quero voltar, de ficar mais tempo sentada naquela praça, de conversar com as pessoas ... Quero mais Guimarães, berço da nação, de Afonso Henriques "meu rei", da Reconquista, do nascimento da nossa língua ... Quanta HISTÓRIA, Portugal! Quem sabe, um dia?

Olha "ele" aí!

                                                     Olha "ele" e eu.

5 comentários:

Elen disse...

Passando pra desejar uma ótima quarta feira

abraços cheirosos

Cintia Caldas disse...

Olá.
Você tem toda razão.
Essas viagens de agências nos deixam conhecer só as superficialidades dos lugares.
Para se conhecer alguma coisa de verdade precisamos do tempo da demora.(me lembrei agora do Pe Fábio de Melo, ele que fala assim) rsrs
Abraços
Citnia

Daniela Kodaira disse...

Menina, eu entendi bem? 70 anos? Não parece nem um pouco! Bom, pra mim, vc sera sempre essa menina que escreve coisas fantasticas e que nos inspira muito! Alias, você e a Helena, que tocou o blog divinamente na sua ausência...
Beijo enorme e estou doida pra ver seus tecidos... comprei umas flanelas lindas quando estive em Lisboa...

Elen disse...

Tem promoção lá no blog

abraços cheirosos

Marina Abreu disse...

Que chique :)