quinta-feira, 17 de abril de 2014

A Semana Santa em Goiás - a Procissão do Fogaréu

Uma das cerimônias mais antigas da Semana Santa aqui no Goiás é a Procissão do Fogaréu. A Procissão do Fogaréu é tradição em Goiás Velho desde 1745. O ritual na antiga capital do estado de Goiás simboliza a procura e a prisão de Cristo e se tornou o principal evento da Semana Santa na cidade. Começa precisamente às 0h da Quinta-feira Santa. Quem começou a tradição foi um padre espanhol - Perestrello de VasconcelosNa Península Ibérica já se realizava a Procissão do Fogaréu. O padre, com o objetivo de catequizar os moradores de Goiás, implantou a procissão na cidade. Daí, penso eu, o tipo de indumentária usada pelos participantes, muito semelhante às usadas pelos penitentes da Semana Santa na Andaluzia. Os farricocos são as personagens principais da procissão. Vestem túnicas reluzentes de cores vivas e representam os soldados romanos que perseguiram Jesus. 

Foto: viajeaqui.abril.com.br

A procissão sai da Igreja da Boa Morte,  e só se escuta o som cadenciado dos tambores. 

Construída em 1779. Desde 1969 é sede do Museu de Arte Sacra da Boa Morte.
 Segue em direção à igreja Nossa Senhora do Rosário, onde está reproduzida a Santa Ceia. Quando os farricocos chegam, Jesus já não está lá.

Construída em 1761, foi demolida e refeita em 1934 por padres dominicanos, que alteraram elementos da fachada original. Que tristeza!
Então o grupo continua a busca, que só acaba diante da Igreja de São Francisco de Paula, local que representa o Monte de Oliveiras. Neste momento, surge um estandarte com a imagem de Cristo, obra do artista goiano Veiga Valle (1806-1874).  Logo em seguida, um clarim executa o toque de silêncio. É o fim do percurso. Depois disso, é celebrada uma missa.

Concluída em 1761. A imagem do altar, de Bom Jesus dos Passos, veio de Salvador.

Foto: TV Anhanguera

Casa de Veiga Valle, Largo do Rosário, Goiás Velho.

Goiás Velho faz parte da minha colcha existencial. Quando os meninos eram pequenos sempre íamos passear por lá.
A Helena escreveu sobre a cidade nesta postagem: Fim de semana: viagem ao interior do Brasil. É a terra de Cora Coralina: 


Em Braga, Portugal, também fazem a mesma procissão. Para saber mais: Procissão Ecce Homo.
As outras cidades do Brasil onde fazem procissão semelhante são Caxias, no Maranhão; Lorena, em São Paulo; Petrópolis, no Rio de Janeiro; Santa Luzia, na Paraíba.
Em tempo: procurei a origem da palavra "farricoco". O Caldas Aulete diz que é de etimologia obscura ...

Feliz Páscoa! Cristo ressuscitou!
(por Cecilia)

3 comentários:

Toca do trico e croche disse...

Feliz Páscoa minha querida !!!
Adorei conhecer um pouco mais desta peculiar manifestação Católica da Semana Santa.
Forte abraço de uma admiradora deste cantinho...

Sonia Faria

Nina Dias disse...

Muito interessante amiga!
Venho desejar uma feliz páscoa pra você e sua família!
bjs Nina

O meu pensamento viaja disse...

Bom dia, Cecília!
Muito obrigada pela sua visita.
O seu texto prova a inegável fraternidade que nos une. A procissão Ecce Homo, que atrai milhares de forasteiros é disso prova.
Desejo-lhe uma feliz semana.
Beijo da Nina